6 perguntas e respostas

Hoje vamos tentar responder diversas dúvidas comuns em um único texto. Perguntas que, na maioria das vezes, são simples, mas que causam ainda muita confusão. Confira 6 perguntas e respostas!

  1. Qual a diferença entre agudo e crônico?
    Agudo: é só um termo para dizer que naquela doença, quando ela é aguda, ela acontece de uma maneira mais rápida.
    Crônico: quer dizer que a doença se passa de uma maneira mais lenta ou mais demorada.Então, os termos “agudo” e “crônico” não representam uma divisão exata de tempo, “tantos dias ou tantos meses”, por exemplo. Isso vai depender da doença sobre a qual você está se referindo.
  2. Anestesista é formado em que?
    O anestesista é médico. É um profissional que se forma em Medicina e se especializa em Anestesiologia.
  3. Qual a diferença entre injeção e vacina?
    Injeção: é quando você usa uma seringa e uma agulha para injetar alguma substância no organismo. Ou seja, é uma forma de você administrar alguma substância para outra pessoa. A injeção é administrada, na maioria das vezes, no músculo ou na veia.
    Vacina: é uma substância usada para criar imunidade no corpo, para que o corpo tenha defesa contra uma determinada doença. A vacina pode ser aplicada na forma de injeção, mas também pode ser aplicada, por exemplo, via oral, como a vacina do rotavírus que é dada em gotinhas para as crianças.
  4. O que é tireoide?
    A tireoide é um órgão que todo mundo tem, assim como rim e fígado. A tireoide fica na região do pescoço e costuma causar doenças quando está funcionando demais ou de menos. Essas doenças são: o hipertireoidismo e o hipotireoidismo.Essas duas situações têm tratamento para que o funcionamento geral da tireoide volte ao nível normal. Muitas pessoas podem atribuir o sobrepeso ao mau funcionamento da tireoide. Mas, veja, se você está acima do peso, a maioria das vezes a culpa não é da tireoide. E também não é só porque ela está no pescoço que seja comum que ela cause tosse, uma outra dúvida comum dos pacientes.
  5. Câncer dói?
    Alguns pacientes dizem que câncer não dói, e outros dizem que câncer dói demais. O que, afinal está correto? Os dois estão certos. Câncer é uma doença muito variável, com diversas apresentações, diversas formas e diversos estágios. Em alguns desses estágios e formas é possível que não haja dor nenhuma e, em outros, é possível que existam dores terríveis. Não existe regra para dor com relação ao câncer.
  6. Tomar remédio é sempre a melhor forma de tratamento?
    Não. Existem muitas doenças em que a resposta é muito melhor, por exemplo, com dieta, alongamentos, exercícios físicos, do que com os remédios propriamente ditos. Mas apenas o seu médico poderá avaliar a sua condição e prescrever o melhor tratamento!

Ficou claro? Se tiver mais dúvidas, mande para a gente. Lembre-se de que você pode seguir a gente no Facebook, no Youtube e no Instagram.

Eu vejo vocês na próxima, no Doutor Informação.
Porque conhecimento é o melhor remédio.

 

Doutor Informação

Dr. Felipe Valente
Médico de família e comunidade

 

 

Quem é o médico de família?      Fale com o Dr. Felipe Valente     Quem é o médico de família?    instagram   Quem é o médico de família?    

 

Agende a sua consulta em casa

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *